Guia Portal Sorocaba.com

Solicite seu orçamento para as empresas e profissionais cadastrados no Portal Sorocaba.com

Cadastre aqui sua empresa ou negócio!


Sorocaba, 25 de Novembro de 2020

NOTÍCIAS



Trança de Teatro: "No voo do instante"

Notícia publicada em 05/03/2013



Trança de Teatro: "No voo do instante"

Inspirados nos sertões brasileiros e na vida sertaneja, o grupo sorocabano Trança de Teatro estreia no sábado (9) o espetáculo "No voo do instante", com apoio do Programa de Ação Cultural (Proac). A peça, cujo processo de criação foi iniciado em outubro de 2011, cumprirá três temporadas na cidade até maio: essa primeira que inicia nesta semana segue até o dia 6 de abril, todas as quartas-feiras e sábados, às 20h, na Oficina Cultural "Grande Otelo". A segunda temporada acontece entre os dias 21 a 27 de abril, na Biblioteca Infantil de Sorocaba, e depois 13, 15 a 17 de maio, novamente na Grande Otelo.

Para quem quiser mergulhar um pouco mais no universo retratado no espetáculo, na sexta-feira os atores e a autora do texto da peça, Sueli Aduan, batem um papo com o público sobre literatura, Guimarães Rosa, além de exibirem um vídeo que mostra o processo de criação do grupo, como as aulas de canto, os ensaios, as construções do cenário, no evento batizado de "Tarde Literária", que começa às 18h, na Oficina Cultural "Grande Otelo", e é aberto ao público.

"O processo foi louco, desde o início, em 2011, até hoje, muitas coisas mudaram. Primeiro, era um espetáculo para dois atores, mas sentimos necessidade de envolver mais atores. Depois, uma atriz saiu do grupo, e readaptamos novamente...", explica o ator, produtor e idealizador do projeto, Marco Rodrigues, que reconhece que as mudanças no meio do meu caminho acabaram favorecendo o projeto. "Na verdade, foi uma sacada muito boa, não parece nem que mudamos para achar uma solução, parece que já era do espetáculo mesmo", comemora ele, lembrando que houve uma sintonia tanto entre os artistas do grupo quanto com a escritora, que aceitou o convite e criou um conto baseado nas obras de "Miguilim", de Guimarães Rosa e "Vidas Secas", de Graciliano Ramos.

"O conto que escrevi tem como pano de fundo o sertão, o universo e a poética de Guimarães Rosa. E os meninos (atores), fizeram uma pesquisa imensa, com a ajuda de pessoas como o músico Zeca Collares e a jornalista Juliana Simonetti, conseguiram pegar a essência necessária. Fiquei muito feliz com o que eles conseguiram observar, foi uma coisa bem casada, a personagem sofrida, mas sem perder a esperança", elogia Sueli. Para a autora do texto, o mais difícil é construir um personagem que seja "digno", "que tenha essas dubiedades que nós seres humanos, temos: agressivos, mas generosos, maldosos, mas nem tanto...", pontua.

Universo roseano

Um espetáculo para ser sentido e não entendido, é como Marco Rodrigues prefere apresentar ao leitor a peça "No voo do instante". Para ele, é importante frisar que não se trata de um espetáculo cronológico, linear e racional. A montagem, atenta ele, busca mergulhar no universo sertanejo e nas características desse homem. "É um espetáculo poético, tem muita poesia, muitas metáforas, não é um espetáculo cronológico, ele é um espetáculo para as pessoas sentirem. Falamos do ser humano, da perda, vivência... Nosso recorte é o homem sertanejo, pensamos que as relações humanas sertanejas, naquelas décadas de 1930 e 1940 que é quando se passam os livros que lemos para o espetáculo, eram muito mais fortes. Hoje temos todos esses aparatos eletrônicos, é um tempo acelerado, diferente do sertão e seus espaços, silêncios...", defende Rodrigues.

Mas é bom avisar que o espetáculo não se passa nessas décadas citadas, mas o universo inspirado nos personagens de Guimarães Rosa foi retrato no espaço cênico criado para o espetáculo."O texto fala muito do Miguilim, do olhar do menino sobre o adulto, e trabalha a metáfora da miopia. Mas não se trata de um releitura, nem uma peça baseada ou inspirada nessa história, falamos que trata-se, sim, de uma reação a tudo o que observamos desse homem do sertão. Então tem muito de Miguilim, Grandes Sertões Veredas, Outras Estórias... Quem é grande conhecedor de Guimarães Rosa, irá perceber resquícios de todas as obras dele no espetáculo", garante o ator.

Serviço

O espetáculo e o simpósio são gratuitos e acontecem na Oficina Cultural "Grande Otelo", que fica na rua Frei Baraúna, Centro. 


Fonte: http://www.cruzeirodosul.inf.br/acessarmateria.jsf?id=458057


Comente

Cadastre Sua Empresa Gratuitamente no Guia Comercial
Divulgue Seu Evento


Notícias


Eventos

Dia: 25/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 26/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 27/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 28/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 29/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 30/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 01/12/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Ouça ao vivo!

Ouça Ipanema FM Ouça 89 a Rádio Rock
Ouça Antena 1 Ouça Rádio Fox Rock