Guia Portal Sorocaba.com

Solicite seu orçamento para as empresas e profissionais cadastrados no Portal Sorocaba.com

Cadastre aqui sua empresa ou negócio!


Sorocaba, 24 de Novembro de 2020

NOTÍCIAS



Sorocaba - Sorocaba organiza 1ª Feira de Teatro de Rua

Notícia publicada em 03/02/2011



A discussão da arte e do espaço público através do teatro de rua será o mote da 1ª Feira de Teatro de Rua de Sorocaba. O evento, que acontece entre os dias 3 e 6 de maio na praça Coronel Fernando Prestes, está com inscrições abertas até o dia 11 de março para grupos interessados, através do email feira@nativosterrarasgada.com.br.
Com abrangência estadual, serão selecionados dois grupos representantes da região litorânea do Estado de São Paulo, dois grupos da capital e dois grupos do interior, para uma apresentação no decorrer dos três dias da feira, que é organizada pelo Grupo Teatral Nativos Terra Rasgada, com recursos do Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo (Proac). Cada grupo selecionado ganhará uma ajuda de custo no valor de R$ 1 mil.
Conforme o edital, poderão inscrever-se entidades de caráter artístico-cultural, cooperativas e associações, com sede no estado de São Paulo, bem como grupos de teatro, sem personalidade jurídica. Para efeitos desta feira, entende-se como núcleo artístico, profissionais que se responsabilizem pela fundamentação e execução do espetáculo.
Importante frisar que só poderão se inscrever espetáculos teatrais criados, pesquisados e produzidos para a rua.
Como explica Flávio Melo, do Nativos Terra Rasgada, a ideia é retomar as ¿trocas¿ que haviam nas tradicionais feiras de muares, com foco na discussão da arte e do espaço público. Para tanto, além das apresentações estão programadas atividades como rodas de conversa com enfoque em teatro de rua. Três importantes estudiosos da arte comporão a mesa de debates: o professor doutor da Universidade Estadual Paulista ¿Júlio de Mesquita Filho¿ (Unesp), Alexandre Mate; também da Unesp o mestrando Adailton Alves e o mestrando do Rio Grande do Sul, Márcio Silveira.
Os nome dos grupos selecionados serão divulgados através do blog da feira: www.feiranativos.blogspot.com.br, até o dia 18 de março de 2011.

Troca e resgate

Para Flávio Melo, é importante lembrar que a feira também é uma tentativa de resgate da arte do teatro de rua, restrita a poucos grupos em Sorocaba. Desde 2005, os integrantes do Nativos Terra Rasgada, que fazem parte da Rede Brasileira de Teatro de Rua e do Movimento Teatral de Rua de São Paulo, apresentam seus espetáculos nos locais públicos, sem divulgação prévia, para que não corram o risco de serem barrados. ¿Já enfrentamos muitos problemas¿, conta, lembrando que para ocuparem os espaços públicos que deveriam ser acessíveis aos cidadãos, acabam enfrentando burocracias.
Conforme Flávio, o teatro, que ao seu entender é responsável pela formação crítica das pessoas, acaba muitas vezes impedido de realizar seu papel, devido a esses empecilhos. ¿O teatro de rua é o ápice da expressão democrática. Não há nada mais democrático do que ocupar espaço público¿, afirma.
Melo ainda pontua que, para conseguirem realizar a feira, um projeto que há tempos tentam pôr em prática, foi preciso a ajuda do Proac. ¿Tentamos o ano passado com a secretaria de Cultura (Secult), mas não havia verba¿, relata. Segundo ele, para a realização da feira, seria necessária uma verba de aproximadamente R$ 60 mil. Como conseguiram do Proac o montante de R$ 30 mil, o Sesc e a Prefeitura de Sorocaba entram como parceiros, mas não como patrocinadores, adianta.

Evoluindo

Mesmo com as dificuldades, Flávio Melo se alegra com o que chama de um novo momento em Sorocaba. Para ele, não houve em outras épocas a procura e realização, por parte dos artistas, da profissionalização e a criação local de um mercado, ¿mesmo que esse não seja consumido aqui¿, alfineta, reforçando que as companhias teatrais de dança estão se profissionalizando e ficando na cidade, diferente de tempos atrás, quando os artistas procuravam outros centros para sobreviver. ¿Sorocaba, que sempre forneceu talentos, evoluiu. Hoje os artistas não querem mais sair; querem ficar. Isso acaba criando um mercado alternativo para nós, que possibilita que vivamos da nossa arte, mesmo que não estejam aqui nossos maiores consumidores¿, desabafa.


Fonte: http://portal.cruzeirodosul.inf.br/materiamaiscruzeiro.jsf


Comente

Cadastre Sua Empresa Gratuitamente no Guia Comercial
Divulgue Seu Evento


Notícias


Eventos

Dia: 24/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 25/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 26/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 27/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 28/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 29/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 30/11/2020

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Ouça ao vivo!

Ouça Ipanema FM Ouça 89 a Rádio Rock
Ouça Antena 1 Ouça Rádio Fox Rock