Guia Portal Sorocaba.com

Solicite seu orçamento para as empresas e profissionais cadastrados no Portal Sorocaba.com

Cadastre aqui sua empresa ou negócio!


Sorocaba, 25 de Outubro de 2021

NOTÍCIAS


Sorocaba - Estado marca audiência para debater Aglomeração Urbana

Notícia publicada em 26/04/2012



Notícia publicada na edição de 26/04/2012 do Jornal Cruzeiro do Sul, na página 8 do caderno A

Leandro Nogueira
leandro.nogueira@jcruzeiro.com.br

O primeiro encontro com vistas ao desenvolvimento conjunto da região de Sorocaba, com o estímulo e investimentos do Governo do Estado, ocorrerá no dia 28 de maio. Foi o que anunciou ontem o secretário Estadual de Desenvolvimento Metropolitano, Edson Aparecido, durante audiência na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp). O evento em Sorocaba será uma audiência pública, aberta a qualquer interessado, e com a provável presença de representantes de 22 cidades, entre eles prefeitos, sociedade civil e universidades, e do secretário de Estado Edson Aparecido. Na ocasião serão apresentadas as propostas do Estado para a criação da Aglomeração Urbana (AU) de Sorocaba. A Prefeitura de Sorocaba confirmou que Vitor Lippi (PSDB) recebeu ontem uma ligação da Secretaria de Desenvolvimento Metropolitano informando a data da audiência. O local e o horário deverão ser definidos nas próximas semanas.

"Essa será uma audiência principiante (...) as audiências públicas oficiais serão realizadas após o envio do projeto à Assembleia Legislativa e o número e locais delas serão definidos pela Casa (Alesp)", explicou ontem o secretário Edson Aparecido. Há um mês, ele declarou ao Cruzeiro do Sul que a gestão compartilhada das 22 cidades, a partir da criação da AU de Sorocaba, só continuava na intenção porque a sociedade organizada da região não havia demonstrado qualquer processo de mobilização. A assessoria do deputado estadual Hamilton Pereira (PT) divulgou que o anúncio da audiência feito ontem para tratar da AU em Sorocaba foi feito a pedido do parlamentar. No final de março, o deputado manifestou indignação com a versão da falta de mobilização regional, usada pelo secretário, alegando que o Governo do Estado não estaria discutindo a AU se não fosse o projeto da autoria dele (de Hamilton), que propõe a criação da Região Metropolitana (RM) de Sorocaba.

Antes da audiência do dia 28 de maio, o secretário Edson Aparecido deve receber o deputado para tratar sobre as diferenças de AU e RM. Ontem, Hamilton disse que a RM já foi discutida com os prefeitos e mesas diretoras de Câmaras Municipais dos 17 municípios da região e o secretário respondeu que a experiência do deputado deve ser aproveitada na construção da AU. No mês passado, o secretário Edson Aparecido disse que deputados de várias outras regiões foram favoráveis às propostas do Estado, em detrimento daquelas feitas por eles, após conhecerem melhor e terem os seus anseios adaptados. Os 22 municípios que integrarão a possível AU de Sorocaba são: Sorocaba, Votorantim, Alumínio, Itu, Porto Feliz, Boituva, Salto de Pirapora, Tatuí, Cerquilho, Iperó, Capela do Alto, Araçoiaba da Serra, Salto, Quadra, Cesário Lange, Tietê, Jumirim, Pedreiras, Porangaba, Torre de Pedra, Laranjal Paulista e Conchas.

Com a AU, o Estado quer integrar a região na Macrometrópole Paulista para possibilitar a administração, o planejamento e o crescimento das cidades regionalmente, inclusive com acesso a recursos do Estado, de financiamentos nacionais e internacionais, do Governo Federal quando for o caso, e de um fundo mantido por rateio entre os municípios. Em abril de 2011, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou que o projeto de lei complementar para criar a AU de Sorocaba seria enviado para a Assembleia Legislativa nas semanas seguintes, para ser instituída ainda no ano passado.

Sorocaba quer investir R$ 2 milhões na região

Uma proposta paralela à do governo do Estado, a de criar uma empresa pública subsidiada com recursos da Prefeitura de Sorocaba, é defendida pelo prefeito Vitor Lippi e está prestes a ser apreciada na Câmara Municipal. Se os vereadores aprovarem a medida, Sorocaba investirá R$ 2 milhões ao ano para fazer estudos a fim de diagnosticar a situação e fazer um planejamento. Municípios que já manifestaram interesse no projeto de Lippi e que integram a área de abrangência da proposta do Estado são: Sorocaba, Votorantim, Alumínio, Itu, Porto Feliz, Boituva, Salto de Pirapora, Tatuí, Cerquilho. Estão contemplados na AU, mas fora do projeto do prefeito: Iperó, Capela do Alto, Araçoiaba da Serra, Salto, Quadra, Cesário Lange, Tietê, Jumirim, Pedreiras, Porangaba, Torre de Pedra, Laranjal Paulista e Conchas. Estão sendo considerados no projeto de Lippi, mas fora da AU: Alambari, Ibiúna, Itapetininga, Mairinque, Piedade, Pilar do Sul, São Roque, Sarapuí e Tapiraí.


Fonte: http://www.cruzeirodosul.inf.br/acessarmateria.jsf?id=382730


Comente

Cadastre Sua Empresa Gratuitamente no Guia Comercial
Divulgue Seu Evento


Notícias


Eventos

Dia: 25/10/2021

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 26/10/2021

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 27/10/2021

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 28/10/2021

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 29/10/2021

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 30/10/2021

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 31/10/2021

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Ouça ao vivo!

Ouça Ipanema FM Ouça 89 a Rádio Rock
Ouça Antena 1 Ouça Rádio Fox Rock