Guia Portal Sorocaba.com

Solicite seu orçamento para as empresas e profissionais cadastrados no Portal Sorocaba.com

Cadastre aqui sua empresa ou negócio!


Sorocaba, 21 de Julho de 2018

MATÉRIAS


A prevenção é o melhor caminho para evitar a Síndrome Mão-Pé-Boca

Matéria publicada em 18/04/2018



A prevenção é o melhor caminho para evitar a Síndrome Mão-Pé-Boca

No entanto, os pais precisam ficar em alerta, pois a contaminação pode ocorrer mais de uma vez

Recentemente, as cidades de Sorocaba, Salto e Alumínio se assustaram com o surto da Síndrome Mão-Pé-Boca, doença altamente contagiosa que acomete, principalmente, crianças de até cinco anos de idade. A prevenção é a maneira mais eficaz para que os menores não contraiam a infecção; no entanto, conhecer os riscos de contágio também pode ser uma forma de nunca contrair a doença, ou, pelo menos, evitar um novo contágio.

“Como ainda não existe vacina contra a Síndrome Mão-Pé-Boca, é importante tentar sempre manter uma alimentação saudável, rica em nutrientes; além da higienização frequente das mãos, dos alimentos e dos brinquedos das crianças. Esses hábitos vão garantir uma melhor resposta imunológica diante dessas possíveis infecções, que podem ser contraídas mais de uma vez”, explica a pediatra da clínica Med Center Norte, Gabriela Capitani.

A Síndrome é comumente causada pelo vírus Coxsackievirus A16, mas a médica alerta que ela também pode ser causada por outros vírus, como o Echovirus e o Enterovirus A71, por isso, a criança pode ser acometida várias vezes. “Infelizmente, a criança pode pegar diversas outras vezes e não há um espaço de tempo específico entre os contágios; vai depender de ter um contato com um novo vírus e também de como estará o sistema imunológico dessa criança”.

A Síndrome Mão-Pé-Boca é considerada pertencente à família das doenças exantemáticas – que causam lesões na pele –, apesar de ser a mais incomum delas. Na grande maioria dos casos, é autolimitada, sendo que muitas vezes à vítima pode ter o vírus presente no organismo e apresentar poucos sintomas ou até mesmo nenhum; mas acaba sendo uma fonte de transmissão.

De acordo com a pediatra, ela costuma durar de sete a dez dias e cura-se espontaneamente, sem a necessidade de tratamento e sem causar complicações, na maioria dos casos. “O sintoma mais comum é a desidratação, por causa do mal-estar e da dor de garganta muito forte. Notando qualquer destes sinais, o paciente deve ser levado ao hospital para verificar a necessidade de receber soro na veia. No mais, raramente a doença evolui para um quadro de infecção secundária da pele, miocardite, meningite ou encefalite; mas é bom que os pais fiquem atentos a qualquer alteração anormal”.

Surto ou epidemia?

Para conhecimento de todos, a especialista afirma a importância de saber a diferença entre surto e epidemia; e esclarece a possibilidade de a região enfrentar outros casos da Síndrome. “Surto é quando acontece o aumento repentino do número de casos de uma doença em uma região específica. Para ser considerado um, o número de vítimas deve ser maior do que o esperado pelas autoridades. Já a epidemia se caracteriza quando um surto acontece em diversas regiões ao mesmo tempo. Uma epidemia em nível municipal, por exemplo, acontece quando diversos bairros apresentam casos da doença”.

Gabriela ressalta que não se pode descartar 100% o risco de ocorrer uma epidemia. “Como as crianças acabam circulando por diversos locais e muitas vezes moram em um bairro e frequentam creche em outro, podem disseminar a doença em outros bairros, nos quais também poderão se espalhar. Por esse motivo, o indicado é sempre que as pessoas doentes façam repouso em suas casas”. 

Comente

Cadastre Sua Empresa Gratuitamente no Guia Comercial
Divulgue Seu Evento


Notícias


Eventos

Dia: 21/07/2018

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 22/07/2018

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 23/07/2018

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 24/07/2018

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 25/07/2018

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 26/07/2018

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 27/07/2018

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Ouça ao vivo!

Ouça Ipanema FM Ouça 89 a Rádio Rock
Ouça Antena 1 Ouça Rádio Fox Rock