Guia Portal Sorocaba.com

Solicite seu orçamento para as empresas e profissionais cadastrados no Portal Sorocaba.com

Cadastre aqui sua empresa ou negócio!


Sorocaba, 22 de Julho de 2019

ARTIGOS


Culpa, por quê?

Por: Cíntia Soares



Culpa, por quê?

Sempre que a culpa estiver batendo à porta do seu coração: cuidado!

Pode ser um jeito que o seu ego encontrou de se achar maior do que é.

Porque vem cá, mas nós não somos assim tão responsáveis por todas as tragédias do universo e muito menos pelas dificuldades alheias - que têm a ver com as próprias escolhas de cada um.

E de verdade, quando você realmente pode aliviar uma situação, simplesmente age! E se não o fez e mais tarde percebe a falha, tenta solucionar, desculpar-se, melhorar.

Quando a culpa vem, acredite, foi um jeitinho que a sua mente achou de parecer bom, parecer que se importa com algo, e de se achar mais importante do que é. Como se tivesse poderes para prever, alterar, interferir.

Se tivesse teria feito! Está ignorando que as coisas acontecem da maneira que são possíveis para cada um.

Se há culpa, há julgamento de si mesmo, e de forma cruel, rigorosa. Há um lado inconformado, exigindo perfeição. Alimentado por alguma ilusão. Controle!

Como se fosse obrigado explicar seus gestos, justificar seus atos. Sempre sentindo-se constrangido. Culpado.

É difícil enxergar tudo isto dentro da gente, muitas vezes não temos clareza de estar carregando este peso nos ombros, a cabeça latejando, o aperto no peito. Mas fica aquela constante sensação de medo, medo do que é benéfico, como se não pudesse se alegrar, comemorar quando lhe acontecem coisas boas. Como se a felicidade não pudesse ser completa e sua alegria possa ferir, incomodar alguém.

Grande parte da culpa vem da dificuldade em reconhecermos nossas limitações.

Se puder se ver como é, capacidades e limites que possui, não haveria culpa mas sim paz. A tranquilidade de quem confia em suas atitudes quando é possível agir e a sabedoria para os momentos em que não lhe compete intervir.

Apenas flui no próprio aprendizado. Isto é respeitar a si mesmo e às experiências alheias.

É dar a si mesmo e ao próximo a oportunidade de ser responsável, crescer.

Ter consciência de que não é possível livrar os outros de tudo o que prejudica porque cada um dá seus próprios passos, com as pernas que possui. E sinceramente, nós não temos nada a ver com isto. Não mesmo. Cuide das suas pegadas que já está bom demais.

Existem aqueles que para se livrar das consequências desastrosas relacionadas às suas posturas despejam o mal-estar nas costas alheias. Manipulação! Mas isto já é assunto para um próximo papo, não vou me alongar mais, escrever muito, se não vou me sentir mal. Culpada!
 

O texto publicado neste artigo é de responsabilidade do autor, e pode nao expressar a opiniao total ou parcial do Portal Sorocaba On-Line S/C Ltda sobre o assunto. Boa leitura!

Cíntia Soares

De Tudo Um Pouco e Outros Sentimentos Mais

Cíntia Soares - Psicóloga formada na Universidade Paulista e Bacharel em Direito pela Fadi. Realiza atendimentos clínicos com Adolescentes e Adultos. Trabalha com Psicoterapia Breve Familiar, Terapia para Casais e Orientação aos Pais. 

Fone: (15) 9.9111-9390
E-mail: cintia@sorocaba.com.br
Endereço: Clínica PsCí - Rua Recife, nº 259 - Jd. Paulistano - Sorocaba / SP

Leia mais artigos deste Colunista




Cadastre Sua Empresa Gratuitamente no Guia Comercial
Divulgue Seu Evento


Notícias


Eventos

Dia: 22/07/2019

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 23/07/2019

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 24/07/2019

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 25/07/2019

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 26/07/2019

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 27/07/2019

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Dia: 28/07/2019

Nenhum evento cadastrado neste dia.


Ouça ao vivo!

Ouça Ipanema FM Ouça 89 a Rádio Rock
Ouça Antena 1 Ouça Rádio Fox Rock